29 de abril de 2010

Manual de Orientação em Terremotos


A Secretaria de Ciência e Tecnologia e Meio Ambiente de Pernambuco divulga Cartilha para Orientação da População em situação de terremoto. Acesse o conteúdo aqui.

Rede social reúne 23 povos indígenas e quase 2 milhões de visitantes


Na internet, pelo menos no portal Índios On-Line (clique aqui para acessar), todo dia é dia de índio. De fato, dos índios: quase 2 milhões de indígenas, de 23 diferentes povos, já passaram pelo portal em seis anos. Um dos gestores do portal, Alex Pankararu, diz que a intenção, este ano, é desenvolver e colocar em funcionamento a rádio web para atingir um número ainda maior de indígenas.

"É um sonho antigo já, colocar a rádio dentro do portal para atingir uma parte do nosso público que são os indígenas mais velhos, que têm dificuldade de ler. Isso já melhorou com os vídeos mas o rádio tem mais abrangência ainda", diz o gestor, originário do povo Pankararu (tribo de Pernambuco).

O portal, ou rede social, nasceu em 2004, com a idéia original de interligar sete povos indígenas - Kiri, Tupinambá, Pataxó-Hãhãhãe e Tumbalalá (todos da Bahia), os Xucuru-Kariri e Kariri-Xocó (de Alagoas) e os Pankararu (de Pernambuco). Mas a rede extrapolou os objetivos iniciais e, a partir do ano passado, passou a ter o suporte do Ministério da Cultura (MinC) por meio do programa "Pontos de Cultura Viva". Atualmente, os gestores da rede, como o próprio Alex, são voluntários (são cerca de 80 gestores, dos 23 diferentes povos) e trabalham para alimentar o portal e fazer a mediação dos comentários e das postagens.

Mais recentemente, o portal associou-se ao projeto "Celulares Indígenas", realizado pela ONG Thydewá, e, em parceria com o MinC e o instituto Oi Futuro, para fazer postagens de vídeos no portal. "Com os vídeos, feitos com celulares e câmeras digitais, viramos cineastas dos povos que visitamos. Isso ajuda a aumentar ainda mais o portal e a auto-estima das pessoas", diz Alex.

O gestor Alex define-se como um curioso em relação à informática. Viveu em São Paulo por alguns anos e trabalhou com máquinas IBM "sem sistema operacional", recorda. Ao voltar para sua aldeia, tomou conhecimento do incipiente portal Índios On-Line e foi convidado a mostrar aos demais indígenas como usar tanto os equipamentos quanto o próprio portal. E foi assim que passou a gestor da rede.

Com a perspectiva de colocar no ar a rádio web, Alex, contudo, lembra que há problemas estruturais, ainda maiores do que eventuais falhas de conexão com a internet. Em muitas aldeias, a falta de energia elétrica é um problema sério o suficiente, por exemplo, para impedir que o Gesac (Governo Eletrônico - Serviço de Atendimento ao Cidadão) monte telecentros. "A energia não roda", diz. Em outros locais, a energia é capaz de mover apenas notebooks que têm baixo consumo de eletricidade.

19 de abril de 2010

Feira Internacional de Tecnologia para o Meio Ambiente


A Fiema Brasil 2010 concretiza os princípios de sustentabilidade ao concentrar em um mesmo cenário – o Parque de Eventos de Bento Gonçalves – o maior número de empresas e organizações voltadas para a produção de tecnologia, soluções e serviços focados no meio ambiente.

18 de abril de 2010

Vamos Vestir a Camisa das Causas Animais ?

Conheça o projeto Oito Vidas.

Uma Lar para Cocota/Titânia II


Esta é a nossa Cotoca/Titânia II

Ela foi a cachorrinha substituta da primeira Cotoca/Titânia na nossa novela que acabou de terminar, Cama de Gato, e retiramos ela de um abrigo de animais aqui em Jacarepaguá direto para as luzes do palco!

Infelizmente, até agora não encontramos ninguém para ficar com ela... e se não o fizermos, ela terá que voltar para o abrigo. Meu coração fica tristíssimo, mas eu mesma não posso adotá-la, pois tenho duas gatas muito ciumentas e meu apartamento não comporta um cachorro... ofereço para adoção a pequena, que foi tirada das ruas e tratada com muito carinho e respeito por todos, principalmente pelo Bruno, que dedicou-se a ela com esmero até o final da novela.

Ela deve ter algo em torno de três anos, é muito dócil, inteligente, aprende fácil, amorosa, e ainda tem estes dentinhos pra frente, prognata fofa!

Tenho certeza de que quem levá-la não irá se arrepender.

Peço realmente ajuda, porque sei que ela ficará triste se não encontrar uma casa quentinha pra ser novamente a estrela do sofá.

Obrigada a todos e aguardo contatos nos meus três e-mails, daí encaminho a pessoa interessada à veterinária que cuidava dela durante as gravações, ok?

Alda Gonçalves

alda.goncalves@gmail.com ou alda.goncalves2@gmail.com (via Blackberry)

Informação enviada ao TMS5 por Hilda Armstrong.

17 de abril de 2010

Mais informações para ajuda aos animais do Morro do Bumba


Secretaria Municipal de Projetos Especias

Secretário: Gerhard Sardo

Endereço: Praça Fonseca Ramos, s/nº Terminal Rodoviário Roberto Silveira - 4º andar Centro – Niterói – RJ. Cep: 24.030-013

Telefones/Fax: : (21) 2613-3409 / 2613-3421 / 2613-3729 / 2613-3988
R: 218 / 219 / 220 / 221


Subsecretário de Projetos Especias Murillo Alves Ribeiro Junior

Devir-Brasil

É provável que acabe passando em brancas nuvens, e será uma pena; mas afirmo que MundoBraz: O devir-mundo do Brasil e o devir-Brasil do mundo é um dos livros mais contundentes sobre os tempos que se preparam, para nosso país e nosso planeta, em meio a tanta badalação e tanto chute sobre a Terra Brasilis. De fato, Giuseppe Cocco, o autor, faz um exame anatômico do tema que tem feito a alegria de jornais ao redor do planeta e de políticos dentro do país: o lugar que o Brasil vai ocupar no mundo do futuro próximo. Rico ou pobre, poderoso ou frustrado mais uma vez, Cocco sustenta, com argumentos bastante bem assentados, que essa posição será no mínimo paradigmática. Leia o texto de Diego Viana na íntegra aqui.

Fonte: @Egeu e blog Amálgama

16 de abril de 2010

No meio do oceano: lixo

Animação excelente que encontrei no blog Coletivo Verde. Veja:



Redes Sociais no Brasil

A Agência Click realizou um radar completo sobre o perfil dos brasileiros nas Redes Sociais que resultou nesse ótimo vídeo onde informações e dados super relevantes são expostos. Um filme que deve ser assistido por todos que gostam de Mídias Sociais.

Uma das conclusões: o blog está em alta!

Fonte: Batedeira via Twitter


15 de abril de 2010

Michio Kaku virá ao Brasil

Reconhecido internacionalmente pelo seu trabalho em teorias da física e do meio ambiente, Michio Kaku continua o que Albert Einstein começou. Leia mais sobre a vinda de Michio Kaku ao Brasil aqui.

Post especial para Marcelo Valle

14 de abril de 2010

Vamos ajudar os animais do Bumba


Os brasileiros são muito solidários e estão enviando para os postos de recebimento roupas e alimentos não perecíveis para ajudar as vítimas da tempestade torrencial.


Mas e os pobres animais? São considerados inferiores e esquecidos.


Vamos ajudar a salvá-los. Quem dera que todo mundo fosse como o bombeiro que, penalizado, vai levar um cachorrinho pra casa.


Animais também sofrem. Vamos ampará-los?


De acordo com o jornal Extra, as doações serão recebidas de segunda a sexta-feira, das 10h às 16h, na Secretaria Municipal de Projetos Especiais (Praça Fonseca Ramos s/nº, Terminal Rodoviário Roberto Silveira, 4º andar, Centro de Niterói).


Fonte: marina w. | Vira-lata RJ

Foto: Extra



TMS5 recomenda o InNet Evento

Clique na imagem para vê-la melhor!
Anote na Agenda.

13 de abril de 2010

11 de abril de 2010

Idéia Bacana: Camisetas Verdes


No blog Coletivo Verde encontrei esta beleza de camiseta:feita co tecido pet (50% pet,50% algodão), tinta a base de água, a fábrica respeita os funcionários e funciona de forma correta e ética - cada centímetro do tecido contém amor, dedicação e sustentabilidade (palavras de Guilherme, do blog Coletivo Verde).

No mesmo blog há muitas idéias e informações relevantes sobre a sustentabilidade. Confiram!
Siga o @ColetivoVerde no Twitter.



9 de abril de 2010

Amanhã Há de Ser Outro Dia !




Desejo de uma sexta-feira mais feliz para a minha cidade:
São Sebastião do Rio de Janeiro!

Tomando emprestada a voz de Chico Buarque
para incentivar todos os cidadãos da
Cidade Maravilhosa.

8 de abril de 2010

17 Anos atrás: Tormentas Cariocas


Em 13 de fevereiro de 1996, após as enxurradas que atingiram o Rio de Janeiro, deixando 6.500 desabrigados, a Coppe realizou o seminário Prevenção e Controle dos Efeitos dos Temporais no Rio de Janeiro, mobilizando entidades em busca de soluções. O evento, que reuniu técnicos, pesquisadores de várias universidades e institutos de pesquisa, políticos e militantes de ONGs, estimulou ações e iniciativas, entre elas a criação de um sistema de alerta meteorológico, o Alerta Rio, criação de formas de articulação dos diversos órgãos municipais, estaduais e federais; o uso do conceito de bacia hidrográfica como unidade para diagnóstico e intervenção; implementação de projetos de educação ambiental nas comunidades.

Naquele encontro, foi consenso que a recorrência dos temporais no Rio de Janeiro, aliada à situação geográfica, ambiental e social da cidade exigia uma ação pró-ativa dos governos, com a manutenção de mecanismos preventivos e de emergência prontos para serem acionados.

Mobilizadas pelo sociólogo Hebert de Souza, as entidades que participaram do Comitê de Entidades Públicas no Combate à Fome e pela Vida (Coep) iniciaram um esquema de ajuda às vítimas do temporal. Contornados os problemas imediatos, partiu-se então para a discussão dos meios e maneiras de preparar a cidade do Rio de Janeiro para conviver com os temporais, diminuindo a dor e o sofrimento que chegam pontualmente todos os verões.

Foi assim que surgiu a idéia do Seminário Prevenção e Controle dos Efeitos dos Temporais no Rio de Janeiro. Organizado pela Coppe, da UFRJ, em parceria com entidades integrantes do Coep e apoio financeiro da Finep, da Petrobras e da Embrapa, o seminário, realizado na Coppe nos dias 1 e 2 de agosto de 1996, reuniu técnicos , pesquisadores, políticos e militantes de organizações não-governamentais. Ali, eles discutiram suas experiências, partilharam conhecimentos e se dividiram em seis grupos de trabalho que, nos quatro meses seguintes, formulariam um conjunto de recomendações a serem apresentadas às autoridades e à sociedade.

Como resultado do Seminário, a Coppe publicou o livro “Tormentas Cariocas: Prevenção e Controle dos Efeitos dos Temporais no Rio de Janeiro”, com recomendações feitas por cerca de 40 especialistas, que trabalharam voluntariamente no projeto. A publicação foi amplamente distribuída para gestores dos municípios, representantes de órgãos públicos, do estado e dos municípios do Rio, Ong’s, parlamentares, órgãos técnicos. Várias recomendações foram implementadas, como a criação de um sistema de alerta meteorológico, o Alerta Rio, e projetos baseados em ideais que permearam as recomendações dos seis grupos de trabalho.

Fonte: Planeta COPPE

6 de abril de 2010

Ajuda ao Cosme Velho


Publicado hoje no site Bairro das Laranjeiras e Cosme Velho


Amigos a situação na Comunidade do Cosme Velho é crítica em função da chuva torrencial, alguns acessos fechados, crateras em ruas, falta de luz e comunicação e infelizmente até o momento a perda de 3 vidas, 120 desabrigados distribuidos entre a Igreja Batista e a Creche Cristo Redentor.

Necessitamos de roupas e mantimentos não perecíveis e por isso, montamos um esquema em parceria com a ESFECO, cedida pelo seu diretor e parceiro Sávio Neves.

A partir de amanhã, dia 7 de abril, entre 8:00 e 20:00, quem puder leve donativos na Estação do Trenzinho do Corcovado, que depois encaminharemos aos necessitados.

Campanha Emporium do Futuro


A Prefeitura do Rio, por meio da Secretaria da Ordem Pública e da Guarda Municipal, começou nesta terça-feira, uma campanha de arrecadação de donativos para auxiliar a população desabrigada após as fortes chuvas que atingem a cidade do Rio de Janeiro desde a noite desta segunda-feira.

E o Emporium do Futuro também aderiu a esta campanha! Porque nosso brechó é lugar de vender e comprar peças incríveis mas, acima de tudo dá grande valor à solidariedade. Por isso, se você tem alguma roupa guardada em seu armário que não usa há muito tempo, reflita se vale mais a pena vendê-la ou doar a quem necessita muito... nós, muitas vezes, ficamos com a segunda opção!

Então, frente a tudo isso, nós estamos nos mobilizando e arrecadando em nossa loja donativos para as vítimas deste temporal. A partir de amanhã receberemos peças de vestuário feminino, masculino e infantil.

Nossa loja se localiza na Rua Dias Ferreira, 420/loja D - Leblon. O contato conosco pode ser feito através do e-mailemporiumdofuturo@gmail.com.

Contamos com sua ajuda!

Chuvas no Cosme Velho

Hoje, saí para trabalhar e foi assim que encontrei a rua Cosme Velho. Muita água descendo com a lama do deslizamento que ocorreu na Rua Indiana. Para baixo, entrada para o Túnel Rebouças fechada com cones e a descida cheia de lama. Pessoas atônitas sem saber o que fazer. Só me restou retornar para casa. Ao longo do dia, fui acompanhando as notícias e vendo o que acontecia pela TV, pelo Twitter e pelo G1 - o sinal para internet aqui no bairro ficou lenta e intermitente. Vi muito lixo na rua. Soube que os cães que guardavam uma das casas da rua foram soterrados pelo deslizamento. Outros cães andavam na rua a esmo, sem lar. Pessoas machucadas não sabiam o que fazer. Ficar em casa não é uma atitude comodista, mas uma forma de não constar nos números da tragédia, é uma forma de preservar a vida. Publiquei algumas outras fotos do bairro no Twitpic . Amanhã, sabe-se lá o que vai acontecer. Só sabemos o que a metereologia mediu: vai continuar a chover.

Curiosidade Urbana (3)

60 pessoas...você percebe a diferença?
Veja mais aqui.
Fonte: @rfalzoni

3 de abril de 2010

Freando o Aquecimento Global

O Aquecimento global é um fenômeno climático de larga extensão—um aumento da temperatura média superficial global que vem acontecendo nos últimos 150 anos. Entretanto, o significado deste aumento de temperatura ainda é objeto de muitos debates entre os cientistas. Veja aqui algumas coisas bem simples que você deve fazer para frear o processo de aquecimento global.